Faturar online ou offline? Conheça as diferenças

Se precisa de um programa de faturação certificado para a sua empresa ou se já utiliza um e procura uma alternativa por não estar totalmente satisfeito, tenha em atenção que tipo de programa se adapta à sua realidade.

Conheça as diferenças entre a utilização de um programa de faturação offline e a utilização de um programa de faturação online.

1 – Infraestruturas 

Programas de faturação offline– não requerem infraestruturas complexas para serem instalados e utilizados. Basta ter um computador com características comuns à grande maioria dos computadores existentes no mercado, para instalar e rapidamente começar a faturar. Também no que respeita ao alojamento, com este tipo de programas é perfeitamente possível acumular dados relativos à sua faturação no computador e fazer a gestão das cópias de segurança noutros suportes, para efeitos de arquivo legalmente obrigatório.

Programas de faturação online – requerem infraestruturas mais complexas que para serem passíveis de utilizar são normalmente partilhadas com vários utilizadores, sob gestão de um prestador de serviços. Conforme o plano que aderir, disponibilizam um alojamento para os seus dados, desde que pague por isso. Infelizmente, a maioria das operadoras concentram a maioria da sua carteira de clientes nas grandes cidades, descorando um pouco o interior do nosso país. Ora, não chegando a internet em todo o lado, esta solução não se torna tão “móvel” como anunciado, que é o único ponto forte deste tipo de solução. Ainda que haja um esforço para implementar o serviço de internet em toda a parte, diz-nos a história que isto só será concretizado daqui a uns bons anos. Actualmente, em zonas com um “fraco” sinal de internet e com diversas interrupções, mesmo as redes móveis como 3G (com cobertura de 80% do território nacional) e 4G (com cobertura de 15% do território nacional) dificilmente conseguem colmatar as falhas no serviço de internet. (fonte: http://www.bit.pt/zona-4g-teste-sua-cobertura)

2 – Dependência da internet

Programas de faturação offline– Se existe função na sua empresa que não pode falhar é a possibilidade de faturar sem demoras. Uma falha na internet ou no computador (que impossibilite o acesso à internet), pode fazer com que perca uma venda e isso é a última coisa que vai querer que aconteça. Com um programa de faturação offline, a faturação é independente da operacionalidade da internet, uma vez que o programa está instalado no computador. Deste modo não fica dependente de um serviço de internet para faturar.

Programas de faturação online – O acesso aos dados que estão no servidor externo (da responsabilidade do fornecedor do programa) depende obrigatoriamente da ligação à internet. Em caso de falha no serviço de internet, não existem alternativas para contornar o problema.

3 – Segurança dos dados

Programas de faturação offline– a segurança dos dados é maior com um programa de faturação que esteja instalado localmente. Em caso de problema com o computador, desde que existam cópias de segurança efectuadas com regularidade (que o próprio programa obriga frequentemente), poderá facilmente recuperar os dados.

Programas de faturação online – Apesar dos atuais sistemas que operam online serem razoavelmente fiáveis, falhas acontencem. Caso o servidor central deixe de funcionar, pode perder informação, pelo menos até ao último backup que o fornecedor tenha efectuado.

4 – Confidencialidade dos dados

Programas de faturação offline– A proteção dos dados pessoais é um dos aspetos legais com que se deve preocupar e cuja segurança deverá garantir, de acordo com a legislação em vigor e normas da Comissão Nacional de Dados Pessoais. Com um programa de faturação instalado localmente é mais fácil salvaguardar a confidencialidade dos dados.

Programas de faturação online – Por estarem online, estes sistemas por si estão expostos ao público, incluisve aos piratas informáticos. Sabemos que nenhum sistema é perfeito, pode conter falhas no seu código, mas por mais seguros que se anunciem, pelo facto de conterem dados confidenciais e importantes, tornam-se valiosos e mais “apetecíveis” aos piratas informáticos, pois de uma só vez podem comprometer os dados não só de uma mas de centenas de empresas ao mesmo tempo.

5 – Robustez e eficiência

Programas de faturação offline– Ganhar tempo! Esta é uma frase que mostra bem uma das maiores vantagens dos programas de faturação offline. Uma vez que o processamento dos dados é feito localmente, a faturação é rápida e eficaz. Isto verifica-se tanto na emissão dos documentos como na elaboração, impressão e exportação de listagens e relatórios estatísticos. Este tipo de solução tem maior capacidade de desempenho pois não se limita à capacidade de nenhum browser de internet (ex. Internet Explorer, Google Chrome, etc.).

Programas de faturação online – na faturação online cada operação envolve um movimento de upload e download o que faz com que as operações sejam mais demoradas. O processamento e transferência de dados através da internet faz com que a velocidade de trabalho seja mais lenta. A principal diferença desta solução reside no facto de esta estar assente sobre o browser onde é executada, ficando limitada às capacidades do mesmo, por exemplo, o clique com o botão direito do rato não nos permite obter outras funcionalidades que as do próprio browser (seleccionar, copiar, colar e pouco mais). Para além disso, um upgrade à versão do browser, pode fazer com que a aplicação deixe de funcionar por completo ou limitar algumas funcionalidades. Requer por isso que o fornecedor esteja sempre a par das actualizações dos browsers mais utilizados do mercado.

6 – Preço

Programas de faturação offline– são normalmente mais baratos porque as infrastruturas e serviços conexos os programa de faturação não são cobrados – pagará apenas pela aquisição da licença de utilização do programa de faturação.

Programas de faturação online – são normalmente vendidos como SaaS (software como serviço), ou seja, pagará continuamente pela utilização do programa de faturação, pois este tipo de programas online envolve o pagamento do alojamento e utilização de plataformas em servidores de terceiros. Comparativamente aos programas que funcionam offline são mais caros.

7- Flexibilidade

Programas de faturação offline – apesar de não funcionarem, por defeito, em modo online, com a configuração de uma VPN poderá aceder, a partir de vários postos de trabalho fisicamente separados, ao programa de faturação. Assim, se optar por um programa de faturação offline poderá escolher entre trabalhar offline ou online, quando quiser e a partir do local que pretender.

(rever)Programas de faturação online – apenas permitem trabalhar online, desde que garantida a ligação à internet.

O SYDFACT é um excelente exemplo de um programa de faturação offline bem sucedido no mercado. Consegue reunir todas as vantagens acima enumeradas, com as mais-valias adicionais de oferecer uma licença vitalícia mediante um pequeno investimento e de contar com uma equipa de profissionais para prestar assistência técnica gratuita no serviço pós-venda e actualizações completamente gratuitas (dentro da mesma versão).

Faça o download gratuito e experimente o SYDFACT em www.sydfact.com

 

 

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: